Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]

Deixem o Indie em Paz

Melhores álbuns ouvidos em 2015

Nesta lista não vão entrar apenas álbuns/EPs de 2015, porque houve alguns mais antigos que só descobri este ano e que também merecem fazer parte desta lista. Por ordem alfabética de intérprete: 

 

Basset Houds, de Basset Hounds (2015)

That's The Spirit, de Bring Me The Horizon (2015)

Born Under Saturn, de Django Django (2015)

Sol Invictus, de Faith No More (2015)

Fear Fun, de Father John Misty (2012)

Meliora, de Ghost (2015)

Opus Eponymous, de Ghost (2010)

Our Endless Numbered Days, de Iron & Wine (2004)

The Pale Emperor, de Marilyn Manson (2015)

#2, de Modernos (2015)

Danger in the Club, de Palma Violets (2015)

Royal Blood, de Royal Blood (2014)

Currents, de Tame Impala (2015)

Sun Structures, de Temples (2014)

The Dawn, de The Wands (2014)

Policy, de Will Butler (2015)

With Light & With Love, de Woods (2014)

 

Em termos de concertos, o melhor deste ano e, certamente, um dos melhores de toda a vida, Ghost, no Garage.