Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Deixem o Indie em Paz

Maratona Literária de Inverno (embora cá seja Verão)

Não me vou inscrever na Maratona Literária de Inverno, que a Cláudia falou aqui (e ainda bem porque estas coisas passam-me sempre ao lado), mas vou tentar fazê-la. Vou ter uma semana de férias em Julho e queria aproveitá-la para despachar uns quantos livros. Assim, tenho uma motivação, mas sem a pressão de ter de cumprir todos os objectivos. Alguns dos livros que indico abaixo repetem-se em alguns temas/desafios, mas há sempre pelo menos um que é exclusivo ao tema/desafio.

 

Existem semanas temáticas:

Semana 1, Fantasias, Distopias e/ou Ficção Científica: Admirável Mundo Novo (Aldous Huxley), A Tormenta das Espadas e A Glória dos Traidores (George R. R. Martin).

 

Semana 2, Thriller, Suspense e/ou Terror: A Trilogia de Nova Iorque (Paul Auster).

 

Semana 3, YA Contemporâneo, Romance e/ou Drama: Um Homem: Klaus Klump e A Máquina de Joseph Walser (Gonçalo M. Tavares), Entre Dois Palácios – Trilogia do Cairo Vol.1 (Naguib Mahfouz), O Rebate (J. Rentes de Carvalho).

 

Semana 4, Livros Nacionais: O Rebate (J. Rentes de Carvalho), Servidões (Herberto Helder).

 

Além das semanas temáticas, existem outros desafios:
Um livro com figuras ou ilustrações: Calvin & Hobbes – Viva o Alasca (Bill Watterson).

 

Começa e/ou termina uma série, trilogia ou duologia: Entre Dois Palácios – Trilogia do Cairo Vol.1 (Naguib Mahfouz).

 

Um livro que alguém escolheu por ti: Vim Porque me Pagavam (Golgona Anghel).

 

Um livro que já é ou vai ser adaptado cinematografricamente: Pela Estrada Fora (Jack Kerouac).

 

Um livro com a capa azul: Servidões (Herberto Helder).

 

Um livro do género que menos leste no ano passado: A Tormenta das Espadas (George R. R. Martin).

 

Um livro que ganhaste: Nove Histórias (J. D. Salinger).

 

Um livro com mais de 400 páginas: A Glória dos Traidores (George R. R. Martin).

 

São 13 livros no total. Se conseguir ler todos, será o mês mais produtivo, em termos literários, de SEMPRE.

 

IMG_0647.JPG

 

4 comentários

Comentar post